segunda-feira, 25 de abril de 2011

PARABÉNS, CONTABILISTA! HOJE É NOSSO DIA!

É importante destacar a responsabilidade que esse profissional exerce perante a sociedade. Uma das características dessa importante profissão, que contribui para a organização e o controle do patrimônio social, é a diversidade de atividades. A ênfase maior na formação do profissional da Contabilidade acaba sendo dada à atuação no setor privado. Porém, o contabilista pode prestar importantes serviços aos gestores públicos e à sociedade.

Na gestão pública, ele pode ser responsável pelo controle orçamentário, pelas auditorias financeiras, o registro das principais contas, planejamento dos investimentos, controle de gastos, orientação de pagamentos e balanços, e (o mais importante) auxiliar os governos no processo de prestação de contas à sociedade. Além disso, enquanto a Administração Pública ainda não possui os recursos necessários ao alcance dos objetivos preconizados no art. 3º da Constituição Federal (garantir o desenvolvimento nacional, promover o bem de todos, etc.), o contador é fundamental para o melhor resultado com o mínimo de recursos possível (eficiência máxima). Melhor resultado para o setor público é o máximo de bem-estar social. E eficiência máxima nem sempre significa melhor resultado para o setor público, pois diminuir gastos públicos pode significar queda no bem-estar social. Portanto, a administração pública deve buscar uma combinação ótima entre máxima eficiência e máximo bem-estar social com os recursos disponíveis.

Para desempenhar esse papel, os contadores precisam conhecer a legislação fiscal, comercial, e do trabalho dentro de seu país, os princípios de funcionamento e o patrimônio da entidade onde trabalham. Também precisam de conhecimentos teóricos e práticos sobre finanças públicas, ciências sociais, estatística, matemática e de alguns ramos da administração e de recursos humanos. E, cada vez mais, o uso da informática e de novas tecnologias é um diferencial no perfil profissional do contabilista que sempre está se formando e aplicando seus conhecimentos em prol do controle econômico.

O contabilista também pode ser um importante auxiliar aos movimentos sociais e demais associações, contribuindo para o exercício ativo da cidadania. Dentre os seus papéis junto aos cidadãos, pode-se destacar:
  • traduzir, para a sociedade, informações contábeis contidas nos balancetes das prefeituras, governos estaduais e União, muitas vezes indecifráveis para o leigo;
  • detectar indícios de corrupção;
  • fazer análises dos balanços públicos (arrecadação de tributos e aplicação dos recursos), fornecendo informações úteis às reivindicações dos diversos setores da sociedade - profissionais do serviço público em geral (educação, justiça, segurança, etc.), aposentados e pensionistas, estudantes, sem terra, sem teto, associações de luta por ampliação e melhoria nos serviços públicos, dentre outras agremiações que estão relacionadas ao lado, na seção "BRAVA GENTE".
Veja no portal COSIF as principais áreas de atuação do profissional de Contabilidade nas empresas, no ensino, como autônomo e no setor público.

Nenhum comentário: