terça-feira, 17 de novembro de 2009

Você pode... E deve ser feliz!!!

O direito e o dever de ser feliz


Marcelo Barros, monge beneditino

Ser feliz é não somente o direito, mas um dever de todo ser humano. A tradição cristã fala de um santo asceta que, ao morrer, soube que, antes de ir ao céu, deveria se purificar no purgatório. Mas, pensava ele, purificar-se de que? Por que não ia direto ao céu? Conforme a lenda, São Pedro lhe respondeu: "Por que, em sua vida, você não fez o esforço suficiente para ser feliz".

Em uma sociedade de consumo, ser feliz está ligado a ter dinheiro, a comprar os objetos propostos pela publicidade e gozar as benesses que a sociedade reserva à minoria privilegiada. Para as diversas tradições espirituais da humanidade, o Shallom bíblico, paz e salvação, assim como o Axé das religiões afro-descendentes, a felicidade é a alegria da pessoa se sentir em sintonia com as outras e em comunhão com todo o universo. Amar e se saber amado/a é o dom divino presenteado a todo ser humano e que pode ser fonte íntima desta alegria.

Fonte: Adital

Nenhum comentário: